Categoria: Economia

Bolsonaro libera 3 bilhões para auxílio ao setor cultural

O presidente editou a MP (medida provisória) que libera 3 bilhões a Estados, municípios e ao Distrito Federal para o pagamento de auxílio financeiro ao setor cultural. A MP foi publicada nesta sexta, 10. O projeto havia sido sancionado pelo…

Santiago perdeu 83 empregos formais em maio

A pandemia continuou fazendo estragos na economia. Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) mostram que Santiago perdeu mais 83 empregos formais em maio. Com isso,

Auxílio Emergencial chegou a 76% da população mais pobre

Dos 68 milhões de lares brasileiros, 26,3 milhões foram alcançados pelo Auxílio Emergencial. O benefício atingiu 38,7% dos domicílios. 45% dos brasileiros, pouco menos da metade da população, fazem parte de famílias onde pelo menos uma pessoa foi beneficiada. 76%…

Taxistas sentem o impacto da pandemia

Santiago – Taxista há oito anos, Jorge Pires (52 anos) é um dos profissionais liberais impactados pela pandemia. Ele é vice-presidente da Coopcaver (Associação dos taxistas) e viu seu trabalho e dos demais colegas cair em 75% nos últimos três…

Saque emergencial do FGTS começa nesta segunda

Começam nesta segunda (29) as liberações emergenciais do FGTS. Essa data é para o crédito em conta para os trabalhadores nascido em janeiro. Os pagamentos serão feitos em poupança social digital da Caixa e, em um primeiro momento, os recursos…

Vendas no varejo registram maior recuo em 20 anos

O comércio varejista recuou 16,8% na comparação entre março e abril deste ano. Essa é a maior queda no setor desde o início da série histórica em 2001. Os dados são da Pesquisa Mensal de Comércio do IBGE.

Quais avanços podem ser obtidos quando o coronavírus passar?

Crises globais do último século trouxeram aprendizados, nem sempre aproveitados A pandemia do coronavírus entrou no rol das grandes crises globais. Mas considerando os mais de 100 anos passados desde a Gripe Espanhola (1918-1919), a maior pandemia do Século XX,…

Bandeira vermelha: 80% do comércio de Santiago fecha com o novo decreto

O novo decreto do prefeito Tiago, divulgado no domingo (14), se ajusta às normas do Estado para bandeira vermelha. Assim, só poderão funcionar os serviços essenciais (saúde, segurança, transportes, alimentação etc). O comércio varejista ficará fechado pelos próximos 15 dias….