“A mudança só virá se mudarmos o jeito de fazer”

São Chico – Há poucos dias a Casa de Cultura ficou lotada de professores e servidores que foram assistir às palestras do jornalista e escritor João Lemes e da educadora especial Cátia Pires da Rosa, de Santiago. O encontro fez parte da formação continuada de professores e teve a coordenação da secretária de Educação Jaqueline Gindri.

Jorge Manara, Cátia Pires, Jaqueline Gindri e João Lemes.

João Lemes, que também é mestrando em Educação pela UFSM, falou do amor cooperativo e da importância da ética para o viver. Pontuou sobre a violência e enfatizou que cada qual deve rever suas ações, mudando o jeito de fazer as coisas quando notar que algo não está dando certo. “Hoje o Brasil está muito voltado à competição. Cada qual quer dar um ‘jeitinho’ melhor, por mais descarado que seja. É essa mentalidade que temos que mudar, a começar pelas crianças”.

João Lemes.

O Autismo – Cátia Pires da Rosa é graduada em Educação Especial pela UFSM e pós-graduada em Educação Inclusiva pela Unopar. Atua na escola pública no setor de Atendimento Especializado, sendo que tem vários cursos na área de educação especial, dentre eles o Autismo, tema de sua palestra. Ela lembrou que hoje as escolas e professores devem estar preparados para receber a todos, destacando sempre que cada um tem suas diferenças.

O Autismo (Transtornos do Espectro Autista – TEA) causa problemas de comunicação, na interação e comportamento social da criança. Estima-se que 70 milhões de pessoas no mundo possuam algum tipo de autismo, segundo a Organização Mundial da Saúde.