Caixa anuncia medidas para o crédito imobiliário para redução de burocracia e garantir fôlego às construtoras

Publicado por em .

Reprodução.

Esse dinheiro deve aquecer a economia. As famílias poderão mobiliar as casas e fazer os ajustes que quiserem.

A Caixa anunciou medidas com foco na redução de burocracia para as pessoas físicas durante o financiamento do imóvel. Para os mutuários, uma das novidades está na possibilidade de financiar as custas cartorárias e o Imposto sobre Transmissão de Bens Imóveis (ITBI). Ou seja, os custos com despesas de cartório e com o tributo poderão entrar no contrato do financiamento habitacional. A expectativa é que, no segundo semestre, a medida gere liquidez de R$ 2,4 bilhões para as famílias, que não teriam de arcar com as despesas de maneira imediata.

Construtoras

Já para as construtoras, a Caixa divulgou três medidas, com o objetivo de dar mais fluxo de caixa e estimular lançamentos: a utilização de recursos de recebíveis no pagamento dos encargos dos empreendimentos com recursos do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo, redução de 30% para 15% da comercialização mínima em novos empreendimentos e a flexibilização da exigência de 15% de obras feitas em novos empreendimentos.