Coronavírus: quem tem rinite não faz parte do grupo de risco

Publicado por em .

Embora seja uma alergia que afeta o sistema respiratório, a rinite não se enquadra como um fator de risco

Você deve estar cansado de ouvir que portadores de doenças crônicas fazem parte do grupo de risco para coronavírus. Portanto, uma alergia respiratória como a rinite também favoreceria a piora do quadro, certo? Não é bem por aí.
A Associação Brasileira de Alergia e Imunologia divulgou comunicado ressaltando que esse problema, por trás de crises de coriza e muita coceira no nariz, não aumenta o risco de complicações do coronavírus. A própria Organização Mundial da Saúde não cita essa a renite em seus documentos oficiais sobre a pandemia.

O coronavírus

“O coronavírus é uma doença infecciosa aguda, de caráter sistêmico e consegue afetar vários órgãos. O vírus penetra em células de diversos tecidos”, afirma a alergista Maria Cândida Rizzo, coordenadora do Departamento Científico de Rinite da Asbai. O comprometimento do pulmão é uma das principais preocupações.

A rinite

Já a rinite acomete apenas a mucosa nasal. Ou seja: ela não é sistêmica, nem abala os órgãos da respiração. É uma inflamação bem localizada. O mesmo vale para sinusite, laringite e faringite. (F: Revista Saúde).