Dois gaúchos já morreram com Gripe A em 2017

Doses que sobraram da vacina da gripe serão liberadas

Publicado por em .

Quem não faz parte do público-alvo da campanha de vacinação contra a gripe poderá receber a dose nos postos de saúde a partir de segunda, 3. Os postos irão utilizar as vacinas que sobrarem dos grupos prioritários. “Até o dia 31 de maio, estamos em campanha. A partir dessa data, quem quiser se vacinar pode se vacinar”, afirma o ministro Luiz Henrique Mandetta.

Um milhão não quis se vacinar
No Estado, dos 3 milhões e 800 mil pessoas que integram o público-alvo apenas 2 milhões e 800 estão vacinados ( 74% do total estimado). A meta era de 90%. No país, a cobertura vacinal está em 75%. Em Santiago, o melhor índice por enquanto são os idosos e professores. As crianças ainda não atingiram a meta, assim como as gestantes e doentes crônicos.

Grupos prioritários
Os grupos com prioridade até esta sexta, 31: gestantes, crianças a partir dos seis meses e menores de seis anos, puérperas (mulheres até 45 dias após o parto), pessoas acima dos 60 anos, trabalhadores da saúde, povos indígenas, professores, pessoas com doenças crônicas, presos, militares e policiais.