Governo quer que o patrão pague o auxílio-doença

Publicado por em .

O secretário especial de Previdência e Trabalho, Rogério Marinho, a medida seria apenas uma “mudança contábil”, já que os empresários poderiam fazer compensação pelo imposto.

Hoje, os 15 primeiros dias de laudo são pagos pelas empresas. Quando isso é validado pela perícia, passa a ser com o INSS. O que o governo propõe é que todo o período seja de responsabilidade da empresa, a qual teria a compensação no mesmo mês com o outro imposto.

Carteira Verde e Amarela
O secretário também adiantou que o governo deve lançar em novembro um pacote para impulsionar a geração de empregos, uma das medidas é a carteira verde e amarela. Com ela, trabalhador abriria mão de algumas garantias trabalhistas.
(F: Rádio Gaúcha).