Novo serviço na saúde já está funcionando

Publicado por em .

Santiago – O Posto de Atendimento Médico Municipal (PAM) já foi inaugurado pela Secretaria de Saúde. A proposta é dar suporte ao Pronto-Socorro, oferecendo equipe completa com médicos, enfermeiros e técnicos para atender mais rapidamente as situações de menor risco.

Sistema de triagem
Os atendimentos são definidos por um sistema de triagem chamado “Protoloco de Manchester”, que é empregado mundialmente em hospitais ou clínicas. A triagem analisa diversas variáveis que implicam a gravidade do paciente: intensidade das dores, sinais vitais, sintomas, glicemia, quadro clínico, definido numa escala de cores.

Atendimentos no Pronto-Socorro pelas cores
Vermelho (emergência): o paciente necessita de atendimento imediato.

Laranja (muito urgente): o paciente necessita de atendimento o mais rápido possível. Ele pode aguardar até 10 minutos.

Amarelo (urgente): neste caso o paciente necessita de avaliação, o caso não é considerado emergência e tem já tem condições de aguardar o atendimento (em até 60 minutos).

Atendimentos no PAM
Verde (pouco urgente): Casos pouco graves, que podem inclusive serem tratados ambulatorialmente. É o caso menos grave, que exige atendimento médico, mas pode ser assistido no consultório médico. Paciente pode aguardar até 120 minutos.

Azul (não urgente): Casos de baixa complexidade, o paciente deve ser tratado ambulatorialmente. Paciente pode aguardar atendimento por até 240 minutos.

Éldrio Machado, secretário de Saúde.

Grande procura
O secretário Éldrio Machado (Saúde) avalia como excelente já no primeiro dia de funcionamento. “A interação com o Pronto-Socorro foi muito boa, sendo atendidos 28 pacientes, isso equivale a 35% da demanda de atendimento no Hospital”, explica. O PAM funciona no ESF Maria Alice Gomes, das 17h30 às 22h. Aos finais de semana e feriados é das 16h às 22h.