Vem aí a decisão sobre o retorno das aulas presenciais no Estado

Publicado por em .

O governo estuda o retorno de parte das aulas para crianças e adolescentes ainda em julho

O governador Eduardo Leite afirmou que a decisão sobre os próximos passos deverá ser anunciada na próxima semana. A retomada foi dividida em cinco etapas. A partir deste mês, todos os níveis de ensino podem ser retomados de forma remota. A exceção para aulas presenciais é para atividades práticas de ensino essencial para conclusão de curso no Ensino Superior, Técnico Subsequente e pós-graduação, além dos cursos livres a partir de 15 de junho (a segunda etapa do cronograma).

A previsão é que o retorno presencial de todos os níveis de ensino só aconteça em setembro

As etapas seguintes, que vão até setembro, ainda não têm datas. A partir de julho, a projeção é que pelo menos parte das aulas para crianças e adolescentes seja retomada na terceira etapa.

“Na próxima semana, devemos nos pronunciar se vamos dar um passo seguinte, com retorno presencial, para julho. Estamos analisando esses protocolos” explicou o governador. A informação é do Diário de Santa Maria.

Quatro cenários
A previsão é que o retorno presencial de todos os níveis de ensino só aconteça em setembro. O Estado ainda estuda quatro cenários de retorno: entre a terceira e quinta etapa envolvem o ensino presencial da Educação Infantil, Ensino Fundamental, Médio e Técnico. Já o ensino presencial superior, tanto graduação quanto pós-graduação, só é projetado para retornar na quinta ou sexta fase, que serão as últimas.