Venezuelanos vieram atrás de uma nova vida

Venezuelanos vieram atrás de uma nova vida

Jaguari – José, Eversy, Alberto, Jeremy, Leonides, Evelyn e Leovel. Desde o mais novo (1 ano) e o mais velho (57 anos) são os primeiros venezuelanos a chegar na região. Eles vieram para Jaguari com um objetivo; deixar a terrível crise venezuelana. A família Castillo chegou trazendo apenas a roupa, mas cheia de esperança para começar uma nova vida. Fora as crianças, quase todos são bons profissionais. Seu Alberto é mestre em solda elétrica; José é estudante de jornalismo e as esposas entendem de culinária.

Venezuelanos vieram atrás de uma nova vidaA vinda deles de Roraima foi acertada com o casal Cátia e Juarez Gavioli com uma ONG que cuida da emigração de dois mil venezuelanos que estão vindo para o RS. Um dos requisitos era oferecer casa, alimentação e algum trabalho. Tudo isso eles encontraram na Reserva Cerro Chapadão, onde pretendem começar uma nova vida. “Nossa intenção é acolher, aprender sua cultura enquanto seguimos recebendo a comunidade regional para nossas trilhas e demais eventos aqui da Reserva Chapadão”, explica Juarez.

“Viemos aprender e ajudar a quem precise. Estamos dispostos a construir aqui uma nova morada e fazer muitas amizades”, disse José, encantado com a carinhosa recepção e com a beleza do lugar.

Ajuda – Eles aceitam doação de produtos de higiene, alimentos e roupas.

Assista à reportagem no Canal Expresso.