Corsan investirá R$ 20 milhões 28/11/08

A prefeitura de Santiago promoveu uma audiência pública para discutir a questão do saneamento básico (água e esgoto sanitário). Santiago é uma das primeiras cidades no Estado a implantar o novo sistema. Conforme o prefeito José Francisco Gorski, não será mais feita concessão, mas sim um contrato em que a Corsan terá que definir um cronograma de obras a ser executado. Nos próximos dois anos serão investidos 6 milhões de reais no sistema de abastecimento e, posteriormente, no saneamento, como: reforço da rede adutora, duplicação da estação de tratamento, construção da estação de tratamento dos resíduos, além de um novo reservatório e substituição de parte da rede. Todo o projeto está orçado em 20 milhões de reais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *