Médicos querem mais – 20/11/09

Os médicos do pronto-socorro do Hospital de Caridade querem aumento. A negociação envolve o Sindicato Médico do Estado, prefeitura e hospital. Eles estão recebendo entre 1.200 e R$ 1.400 por mês para plantões e, pelo sobreaviso, cerca de 2.500 para dividir entre os que estão de serviço. Conforme o médico Jorge Tusi, o profissional pode ser chamado a qualquer hora quando está de sobreaviso, sem poder se ausentar da cidade por 15 dias, período que dura o sobreaviso. Tusi ainda frisou que os médicos têm que alimentar a família e comparou o salário deles com os dos deputados. Por sua vez, a direção do hospital diz que o responsável pelo pronto-socorro é a prefeitura, mas acredita que agora ela não tenha como dar aumento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *