A influência da umidade do ar na saúde

Publicado por em .

(Arlindo Disconzi)
O QUE É? Umidade do ar é a quantidade de vapor de água presente no ar que respiramos. Para a OMS (Organização Mundial da Saúde), a umidade do ar saudável deve ser de 40% a 70%. O ideal é 60%. Ela influencia muito em nosso organismo.

QUANDO ESTÁ BAIXA – Menos de 40% pode causar problemas respiratórios como ressecamento das secreções do nariz que você sente pela formação de crostas e aí facilitando a multiplicação dos fungos e bactérias aí existentes.
Pode haver crise de asma, rinites, sinusites, o sangue fica mais denso (sangue grosso) pela desidratação, cefaleia, sangramento, sensação de areia nos olhos.

QUANDO ESTÁ ALTA – Também pode causar problemas. O suor diminui e é ele quem controla a temperatura interior do corpo. Os sintomas aqui são mal estar e desconforto.

O QUE FAZER? Na baixa, beber pelo menos dois litros de água por dia (oito copos). Não fazer exercícios físicos nas horas mais quentes do dia, umidificar o nariz com soro fisiológico e colírio nos olhos. No lar, usar uma bacia com água, toalha molhada ou usar umidificador portátil.
As paredes e pisos ficam umidificados, aí o risco de quedas com fraturas é muito alto, principalmente nos idosos. Nos lábios usar a velha manteiga de cacau, evitar exposição prolongada em ambientes com ar condicionados, eles também diminuem a umidade.