Reforma Política foi aprovada e valerá para 2018

Menos promessas, mais atitudes!

Publicado por em .

(por Denilson  Cortes)

A posse dos novos governantes reacendeu a esperança para gaúchos e brasileiros. Mas os discursos do governador Eduardo Leite e do presidente Bolsonaro, criaram dúvidas. Será mesmo possível cumprir tudo o que se dispuseram? Leite saiu-se bem ao lembrar que a dívida do Estado chega a 100 bilhões e que sem o esforço de todos não há saída. Em outras partes, apelou para o emocional ao dizer que é hora de deixar a polarização inútil e o confronto vazio. Mas basta não colocar a folha em dia e atrasar fornecedores que a casa logo desanda.

Já o presidente Bolsonaro falou aquilo que seus eleitores queriam ouvir: mais segurança, libertação do socialismo, da inversão de valores, do gigantismo estatal e do politicamente correto. Algumas promessas, como o fim da pobreza e acabar com os vícios do sistema político, problemas sérios do Brasil, infelizmente não se resolvem em quatro anos. Já o fim do indulto para presos, basta um canetaço. Outras medidas, como fim do desarmamento, redução da maioridade penal e fim do sistema de cotas precisam de apoio do Congresso.