O fator Bolsonaro

O fator Bolsonaro

(por Denilson Côrtes)

Embora parte da imprensa venha tentando esconder o nome do pré-candidato, é certo que Bolsonaro já é mais conhecido no Brasil do que muitos outros postulantes. Frases ditas por ele criaram uma legião de fãs e outra que o detesta. O fato é que ele poderá ser o próximo presidente do Brasil. O eleitor está cansado dos mesmos e, com Lula fora da disputa, terá que votar em Marinas, Ciros, Alckmins e Levys. As pesquisas mostram que Bolsonaro lidera as pesquisas sem Lula. É um dos nomes certos no segundo turno.

Na votação derradeira é que o Messias (Jair Messias Bolsonaro) poderá garantir sua vaga no Planalto. Numa provável disputa com Alckmin (PSDB), para quem o eleitor imagina que irão os votos do PT? Claro que nem todos votarão em Bolsonaro, até porque muitos anularão o voto, tendo em vista que os movimentos de esquerda detestam Bolsonaro, que por sua vez encarna o antilulismo. No entanto, para o PT, é melhor ver Bolsonaro presidente do que os tucanos no poder. É esperar para ver, mas quem o considera mero coadjuvante, é melhor “jair” se acostumando.