Da horta saiu a solução: o passatempo virou negócio

Da horta saiu a solução: o passatempo virou negócio
Nova Esperança – Cláudio e Elisa Minuzzi são típicos agricultores que mudaram para a cidade em busca de emprego. Nas horas vagas, cultivavam uma hortinha nos fundos de casa para o consumo da família. O capricho com a pequena plantação foi tanto, que logo a vizinhança começou a comprar verduras. O gosto pelo que era só um passatempo foi crescendo e os pedidos aumentaram. Assim, a horta ficou pequena para atender a clientela.

Foi então que Cláudio perdeu o emprego e os dois resolveram se dedicar mais às hortaliças. Arrendaram um terreno aos fundos, fizeram estufas e investiram nas plantas hidropônicas, tomate e morangos, que produzem o ano todo. Hoje o casal se dedica somente à plantação e abastece as escolas do município, mercados e emprega dois funcionários. O próximo passo é vender nas cidades vizinhas de Santiago e Jaguari.

Da horta saiu a solução: o passatempo virou negócio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *