Jorge Martins: derrubo todas sem problemas – 15/01/10

O prefeito Jorge Martins, de São Vicente, sofreu duas acusações que barram sua candidatura a deputado estadual: A não-aprovação das suas contas de campanha e não-aprovação das contas referentes a sua administração em 2007, esta, com 19 apontamentos do Tribunal de Contas do estado e mantido o parecer (condenado) pela Câmara de Vereadores, condenações que colocariam um ponto final em sua pré-candidatura. Mas, em entrevista ao jornal, Martins esclareceu que não vê problemas em derrubar essas barreiras, ainda que sejam em última estância. Quem errou foi o viceExplicou que referente à sua prestação de contas de campanha, quem errou foi seu vice e não pode ser condenado por algo que não cometeu. Referente à prestação de contas de 2007, disse que não foi intimado pelo Tribunal de Contas para defesa quando foi apontado. A Câmara também não lhe notificou para realizar sua defesa, quando recebeu o ofício para votação, alertando que este seria o tramite legal e, por fim, o prazo que os vereadores tinham para votação dos apontamentos do Tribunal que lhe condenava, vencia no dia 27/12 e foi votado no dia 28/12, com prazo vencido. Devido a estas, que considera “falhas” conseguirá liminar para concorrer uma vaga a deputado estadual pelo PTB sem maiores problemas.Novo concursoIndependentemente do resultado do julgamento do concurso público da administração vicentense que estende-se sob júdice há mais de 2 anos, o prefeito Jorge Martins quer abrir o mais rápido possível o novo concurso. O motivo, explicado pelo prefeito, é que possui apenas 10% do pessoal aprovado à disposição, os demais passaram em outros concursos, fora as vagas que surgiram posteriormente. O concurso público que foi realizado para provir vagas na administração vicentense encontra-se supenso pela justiça, devido a suspeita de fraude.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *